15/01/2005

PULSO FIRME EM BATIMENTOS IRREGULARES

Seguinte, seguinte, já vou divulgando para depois não ter desculpa. Marquem na agenda.
Lançamento de "Feriado de Mim Mesmo":

Em SP - Dia 29 de Março, na Casa do Saber.
Em Porto Alegre – 9 de Abril, provavelmente no Botequim das Letras.
No Rio de Janeiro – 13 de maio, na Bienal.

No Rio, fui convidado também para participar de uma mesa sobre "Vanguarda Literária" na Bienal. Vai ser ótimo, e meu aniversário. Muita gente me escreve do Rio, e vou cobrar a presença de todo mundo no lançamento, hein? Mais ainda, vou cobrar passeios e baladas pelo fim de semana, porque faz tempo que não vou ao Rio.

Vai aí mais uma palhinha do livro (e não posso dizer de que parte é):

Fazia quase um ano que moravam naquela cidade. E quase um ano que moravam juntos. Sem experiências maiores, apenas mais restritas, aceitavam a vida ali como a melhor que poderiam ter. E a melhor que poderiam ter juntos, no inverno, verão e intermediários. Jamais tinham saudades de como fora antes, e mal se lembravam. Mas ainda lamentavam a sorte como irreparável. Não poderia ser de outra forma. Um no outro. No mesmo apartamento. Dividindo o mesmo espaço, a cama e o oxigênio. Comendo do mesmo prato e mastigando um da boca do outro. Alimentando o mesmo corpo. Aquecendo-se com um abraço e um olhar, em verde e dourado. Um beijo apaixonado. Era triste, mas era inevitável. Como deveria ser. Era amor.

Sexta tive um jantar maravilhoso em que conheci um de meus maiores ídolos vivos, João Gilberto Noll.


QUANTO GANHA UM ESCRITOR

Com Paulo Scott na Garopa Literária Aqui em Maresias. Na casa que Murilo alugou. Cheguei nesta noite fria de sábado e fui fazer um ch...