16/10/2008

SHE WALKS IN BEAUTY LIKE THE NIGHT

Na revista Joyce Pascowitch deste mês tem um perfil/entrevista que eu fiz com a Carolina Ferraz. O que eu sei de Carolina Ferraz? Tudo o que ela me disse... E um pouco mais. Me inspirei num poema do Byron (e qualquer semelhança com uma letra do Suede não é mera coincidência). Foi divertido fazer.

A revista como um todo está bem bacana, fazendo aniversário de dois anos. Eu estava lá, no primeiro número, com um perfil meu, depois comecei a participar como colaborador. Joyce sempre deu força pra mim, desde o começo, e é uma mulher bem louca. Eu gosto.

Nesta edição tem divas de outros tempos, matérias policiais e um ensaio fetiche com Kayki Brito (nunca sei escrever o nome desse menino... sempre tento, todo dia, todo dia tento acertar o nome dele, mas não consigo. Queria eu fazer o Caique Britto... digo, queria eu fazer um perfil do Kayky Brito... digo... Queria fazer por inteiro mesmo, e deixemos nisso.)

Uh-lalá.

Na Rolling Stone tem uma pequena resenha que fiz da "Enciclopédia dos Monstros", também bacana. Leio sempre a Rolling Stone - é a revista ideal para ler no aeroporto, num vôo, porque dura a viagem inteira - mas escrevo pouco lá. Aliás, tenho escrito pouco na mídia em geral, porque tenho trabalhado mais no meio editorial. Então esse mês tenho de divulgar...

Tem também a entrevista/perfil que fiz com João Gilberto Noll, na Simples, que já falei aqui. Não sei se é fácil achar a Simples pelas bancas, mas vale a pena tentar.

Agora começa a Mostra Internacional de Cinema. Eu bem que quero ir. Todo ano tento acompanhar. Mas Fábio chega com o "Castlevania - Symphony of the Night" e eu sei que não vou mais sair de casa...



LEVE NEVE

Com minha herdeira, a Trevosinha Valentina.  Lançamento ontem em São Paulo. São Paulo é o que conta - é minha casa, minha base, daqui...