15/03/2009

RECEITA DO DIA

De volta ao fogão.

Fiquei magoado depois que postei no final do ano aquela mal sucedida receita de biscoito da sorte. Alguns leitores escreveram zombando do meu talento na cozinha e eu preciso me redimir e mostrar que sou um bom grumeti, como diria a Dona Florinda.
O da semana passada.

Semana passada fiz um belo risoto de funghi, mas que não foi muito original, então nem convém ensinar. Hoje, com os restos do arroz arbóreo, pude caprichar num risoto de camarão. Vai aí (receita minha):

RIZOTO DE CAMARÃO À DONA FLORINDA

Ingredientes (para 2 ogros ou 4 mocinhas):

- 100 gramas de palmito pupunha picado
- Meia xícara de maçã fuji picada
- Meia xícara de pera picada
- Uma xícara de manga palmer picada
- 1 cebola roxa picada
- 2 dentes de alho picados
- 2 colheres de sopa de gengibre picado
- 400 gramas de camarão grande com casca
- 200 gramas de camarão "baratinha"
- 2 xícaras de arrox arbóreo
- 1 copo de vinho branco seco
- 4 colheres de sopa de manteiga
- 2 colheres de sopa de mostarda
- 1 colher de sopa de páprica picante
- 2 colheres de sopa de queijo parmesão ralado
- Sal a gosto

Então, coloque todo o camarão numa panela com umas 4 xícaras de água e deixe cozinhando. Enquanto isso, você pica as bagaças e põe pra refogar com duas colheres de manteiga (a cebola, as frutas, etc).
(ó que bonito)


Quando estiver dourado, mete o arroz. Misture bem e coloque o vinho. Deixe evaporar um pouco e vai misturando, misturando...


O caldo de camarão é que vai dar a umidade para o arroz. Eu sugeri 400 gramas do camarão do bom, e 200 daquela sujeirinha truque de camarão (ela é importante para misturar no arroz e dar o gosto), mas se a crise não chegou apenas como uma marolinha na sua casa, faça o inverso, uns 200 gramas de camarão grande, só para enganar.

É importante que o camarão tenha casca também, pelo gosto. Se você preferir, pode descascar e usar a casca na água só pra ferver e depois jogar fora. Mas eu como o camarão com a casca, porque fortalece as unhas.

Com esse camarão fervendo na água, você vai pegando o caldo e despejando em conchas no arroz, aos poucos, para ele ir absorvendo, até ficar al dente.
Não largue a panela!
Enquanto issó, Fábio só no virtual...
Dá um trabalho desgraçado porque você não pode sair da panela um segundo. Tem de ficar misturando o tempo todo (e leva uns 40 minutos). Se você quiser tornar o desafio ainda maior (como eu) sugiro que faça, ao mesmo tempo, um chutney de banana para acompanhar.
Para esse, você só precisa de seis bananas nanicas, 1 colher de sopa de manteiga e duas colheres de sopa de shoyu.
É só colocar tudo numa panela e ficar misturando, misturando, também uns 40 minutos, sem parar de misturar o arroz, simultaneamente. Você tem duas mãos pra quê?

Quando o arroz estiver QUASE al dente, vire o camarão nele e misture mais uma colher de sopa de manteiga e duas de parmesão. Misture, teste o sal e... voilá!

Tá bom, tá?

DIA DA CRIANÇA

Feriado de Dia das Crianças - embora alguns insistam que é dia da Nossa Senhora Aparecida, como se o Brasil não fosse um país laico... V...