23/02/2011

VIDA DE PRAIA

Hora do almoço, estou conversando com a mocinha da farmácia, a mocinha da peixaria me chama.

Ela: Olha, hoje trouxeram lula. Já mandei limpar pra você.
Eu: Dá dois quilos... E mexilhão.
Ela: Marisco? Mexilhão é gringo que chama...
Eu: O nome é mexilhão. Marisco é o genérico, todos esses moluscos de casca do mar, berbicão, vôngole...
Ela: É nada.
Eu: Tô falando, sou biólogo.
Ela: Você é biólogo? É biólogo nada!
Eu: Tá... mentira.
Ela: Você não tem cara de biólogo. Tem cara de surfista. E surfista marrento.
Eu (saboreando como elogio): Hum... Ok. Mas a coisa do marisco é verdade.

Por mais que seja cool passar por surfista marrento, acho que isso deixa claro como preciso sair logo daqui...

PÉROLAS ENTRE AS PILHAS

No final dos anos 60, quatro irmãos entre oito e treze anos visitam uma cartomante que é capaz de dar a data de sua morte. Após prev...