08/08/2012

É DOMINGO AGORA...



(clica que amplia)

Lançamento do meu juvenil, Garotos Malditos, contemplado no programa Petrobras Cultural, lançado pela  Galera, selo juvenil da Record.

11h da manhã de um domingo é foda, mas o debate com André Vianco, Martha Argel, Giulia Moon e Sarah Bakley Catwright (autora de A Garota da Capa Vermelha) certamente vai atrair um público (embora eu não saiba se é o MEU público). Os autógrafos são em seguida, no estande da Record (sim, será ESSE o lançamento em São Paulo, não haverá noite de autógrafos em livraria).

Garotos Malditos foca num público diferente, mais jovem e talvez menos literário do que meus livros "adultos". Gostei do convite para essa mesa especialmente por estar bem dentro do tema do livro, e por me aproximar de autores de gênero, um mercado que eu não conheço muito bem. Talvez fosse mais bacana se eu pudesse mediar a mesa, porque mais quero entender o trabalho desses autores do que falar sobre o meu.

André Vianco, por exemplo, com seus livros de vampiros, já vendeu mais de 700 mil exemplares no Brasil. Como os livros dele ainda não viraram filme, seriado, como fica a venda de direitos para fora do país? Acho  Os Sete (o grande bestseller dele) bem divertido. O cara se propôs a escrever um livro de terror brasileiro ambicioso, fez a lição de casa, não ultrapassa o gênero mas entrega muito bem o que promete.

Garotos Malditos não chega a ser um livro "de terror", é um juvenil carregado de humor-negro, recheado de referências a filmes de terror, mais para rir do que para assustar. Vamos ver no que dá...





UM ANO TREVOSO

Saindo do poço... Não foi fácil para ninguém, não se engane. Não foi fácil para mim. Estava revendo há pouco minhas retrospectivas de a...