03/09/2012

SOBREVIVENDO SOZINHO

Com Nicolas e Daniel. Amo esses meninos.

Estou solteiro há um bom, bom tempo, e há um bom tempo que não tenho aprontado. Aproveitado eu tenho, com os amigos. Depois de tantas temporadas em cidades distantes, países estranhos, é bom poder estar próximo de tanta gente que amo tanto, que faz parte da minha história e compartilha dos meus gostos e ideais, como esses dois trintões bonitões aí em cima.


E os amigos das letras... (Marcelino, Adilson, Ivan)

No meio literário, não tenho lá muitos amigos. Não tenho grandes inimizades, mas não sou exatamente integrado - e quem é? Por isso é sempre bacana os almoços que a Ivana organiza, onde posso encontrar gente com quem simpatizo tanto, mas não vejo muito. No deste domingo deixaram de vir o Bressane, Xico Sá, Joca Terron, mas deu para matar a saudades do Marcelino e ter uma ótima conversa com a Del Fuego, com quem já curti umas boas baladas nesta vida.

Com Ivana. (Eu não tirei o óculos porque estava na ressaca de domingo)


Andrea está mais do que premiada, com um filhinho desses e o marido André. 

A legenda é: primeira e terceira divisão da literatura nacional. Ah-ha! (Mas esperem só, voltarei com minha vingança...)


Marcelino eu via mais quando morava em Floripa...


E além dos amigos... A família. Neste final de semana fui visitar minha sobrinha Valentina, que está linda linda. Eu já recebi a alcunha de "Tio Vampiro"... e dá vontade mesmo de morder.



Com o macacãozinho de muumi eu que trouxe de Helsinki. 


COELHA VAMPIRA

Ilustração de Marcos Garuti para meu conto, na Revista E.                  Na noite de 28 de março de 2017, o escritor gaúcho João ...