30/09/2010

BERLIM



Ouvindo o novo disco do Royksopp... no apartamento Patryk... Em Berlim.



Berlim tem sido bastante... intensa. Já conhecia o norte da Alemanha, mas só agora cheguei a capital.

Ocupando o ponto que costumava ser de Cristiane F.


A cidade é linda. Mas é um país bastante... agressivo, continuo achando. Felizmente estou sendo muito bem recebido pelo Patryk, que conheci há oito anos num pubzinho em Hamburgo... É que ele não é bem alemão, é polonês.


Antenado.


Meu passatempo tem sido basicamente - e como sempre - caminhar. Passei por todos os pontos turísticos a pé, andei horas e horas... e também me perdi horrores e horrores no metrô, e também fui ao jardim zoológico e ao aquário.



Horrores.

E amores.

Patryk se tornou um jovem gourmet - e um tanto quanto esnobe para comida, o que é ponto positivo. Me levou para lugares extraordinários. E na primeira noite já comi um veado... digo, ragú.... digo, ragú de cervo com maçã e sorvete de cramberry.

(Nos almoços, aproveito que ele trabalha e vou escondido ao Burger King.)


O ragú.
E um pato, em mais um momento Ivana.

Nas compras eu estou maneirando, porque a viagem está só começando, claro. Mas não posso deixar de falar do disco novo do Royksopp, que vi por acaso, nem sabia que estava para sair.

"Senior" é uma espécie de Lado B de "Junior", o (excelente) álbum anterior. Enquanto que Junior era ultra-pop, chegando ao kitsch, com vocais de divas alternativas e melodias alegrinhas, Senior é um disco... sênior, sério, lento, ambient, um Brian Eno 2.1. Gostoso de ouvir, de viajar - música para uma trip leve de ácido ou hard de maconha - sem nenhum single memorável (até porque não tem letra, e só há leves vocais etéreos de backing).

Faixas como "Forsaken Cowboy" e "The Fear" encaixariam bem no meio de um dos álbuns anteriores, outras como "The Drug" parecem um lounge genérico de publicitário... Mas de qualquer forma, ouvi o disco o dia inteiro no Ipod, no metrô, no zoológico e no aquário. E como não gostar de uma banda que dá para a primeira faixa o nome de "...And the Forest Began to Sing.



Viajando.

Amanhã cedo vamos para Praga. Voltamos sábado à noite para Berlim, para farrear. Minha conexão com a Internet está bem precária, mas logo eu volto. Fique aqui, fique comigo.

Num café, agora.

COMEMORAÇÕES

Fim de semana em Maresias.  A neve enfim chegou. Semana mais fria do ano no Brasil coincidiu com a publicação de meu nono livro, Nev...