04/11/2009

MAPA LITERÁRIO

Próxima parada é Recife. Estou indo nesta sexta (6) para a FREEPORTO (não é a Fliporto...), organizada por um pessoal jovem, bacana e malemolente. É assim que tem de ser. Tanta gente me escreve pelo Brasil à fora perguntando quando irei a Natal, quando vou a Porto Alegre, quando vou pra Puta que Pariu, mas ninguém organiza nada... As árvores somos nozes, folks, legal gente que arregaça as mangas, cria eventos e condições pra gente viajar.

Preciso dizer que é a segunda vez que vou a Recife profissionalmente. Estive lá na Bienal de 2007, bem bacana, gente interessada, interessante e desestressante. Enquanto que tem outras capitais do Brasil em que nunca despiroquei... Quer ver?
-
Curitiba
: Conheço, tenho grandes amigos, leitores, gente bacana, mas nunca fiz nada por lá. Por que você não organiza?
-
Brasília:
Já fui, trabalhei, conheço bem, mas foi como tradutor. Aliás, não sei de praticamente nada acontecendo de literatura nesse Distrito Federal. Será que é porque Sarney é um Imortal?
-
Salvador/Bahia:
Nunca pisei nesse continente. Não conheço essa ilha. Nunca me chamaram pra Bahia...

Fortaleza
:
Hum... Conheço Montage e Karine Alexandrino.

Minas Gerais:
Estou tão distante daí que nem lembro qual é a capital...

Porto Alegre:
Já morei, fecundei, tenho grandes amigos... Fiz uma Feira do Livro lá e nunca mais...

Florianópolis:
Vou sempre. É meu paraíso. Sério, estou pensando em morar lá. Mas ninguém quer nada comigo...

Mato Grosso:
Do Norte ou do Sul? Não faz diferença pra literatura. Eu, pelo menos, conheço o Pantanal e seus jacarés... Mereço um jabuti.

Vitória/Espírito Santo:
A fábrica da Garoto ainda fica por aí?
-
Acabou?

Se eu esqueci da sua cidade, me lembre. Arrume passagem, hospedagem, 5 pessoas interessadas em me ouvir, que eu fico.

Sério-verdade-puta-merda; Nx Zero deve estar fazendo show até no Tocantins (que ainda não está no meu mapa). Sei que pro escritor a realidade é outra - por isso a FREEPORTO - por isso é louvável a iniciativa de gente local que se mobiliza para fazer eventos, levantar patrocínio, trazer escritores. Não é preciso muito, a gente trabalhar por amendoins. Mas um dia voltaremos a ser répteis. Um dia dominaremos a terra

Confira a programação inteira da Freeporto:

http://freeporto.wordpress.com/programacao/


Eu vou estar lá desde sexta, mas minha participação é no sábado (7):

15h30 - Mastigando Nazarian - Onde o escritor paulista Santiago Nazarian terá um conto inédito jogado às raposas famintas.
Com: Santiago Nazarian (SP) e Cristhiano Aguiar (PE).

Local: Espaço Corpos Percussivos, 150, Rua da Moeda


(O conto inédito chama-se "Você É Meu Cristo Redentor." Eles me pediram algo em que eu estivesse trabalhando, e o conto mais curtinho que eu tinha para ser lido era esse. Trata de turismo homicida... aquela coisa de que você só conhece realmente uma cidade depois que matou algum morador dela. Uma variação tétrica do turismo sexual..)

Volto no domingo, e vou direto para Venezuela, onde ficarei uma semana coordenando uma série de discussões literárias. Mas passo aqui de vez em quando, com fotos e fatos...

... sim, vou pra Caracas, Venezuela, meu 15o país, mas ainda não conheço a Bahia.

PRÓXIMOS, PÓS E PARALELOS

Já à venda. Saiu esta semana o Perdidas - Histórias para Crianças que Não tem Vez - uma antologia de contos e poemas de grandes autore...